27/07/2014

Meu Erro Favorito - Capitulo 18 (Maratona 2/5)






Segunda de manhã eu acordei um pouco animada. Era o meu primeiro dia na biblioteca de tarde, e eu estava nervosa, mas feliz por ter algum dinheiro entrando. Eu cortaria a minha mão antes de pedir à minha mãe para bancar-me um pouco. Ela tinha problemas o suficiente sem eu ser uma vagabunda.

Peguei meu aparelho e olhei para Joe. Ele estava de costas, um braço jogado sobre os olhos, como se estivesse bloqueando-os do sol. Seu outro braço estava pendurado do lado de sua cama. De alguma forma, seus lençois sempre conseguiam cobrir o que eles precisavam cobrir.

Exceto...
Enfiei minha cara debaixo das cobertas. Eu não acabei de ver isso. Olhei de novo.
Yup. Joe Jr. estava acordado e em posição de sentido.
Oh. Meu. Deus. 

Eu encarei a parede, incapaz de olhar mais para ele. Ele gemeu, rolando. Fiquei tão imóvel quanto pude, mas de repente, eu tive um ataque de risos. Enfiei meu cobertor na minha boca, mas não ajudou. Joe suspirou e moveu-se novamente. Eu realmente não queria que ele acordasse.

As risadinhas continuaram. Eu estava absorta e não havia fim à vista.
— O que é tão engraçado? — Sua voz me fez pular, matando toda a esperança que eu tinha de fingir que estava dormindo. Eu congelei de qualquer maneira, esperando que ele pensasse que eu estava tendo um pesadelo ou algo assim.
— Eu ainda posso ouvi-la rindo. — ele disse, e eu o ouvi agarrando a cueca. Como ele poderia colocá-la em cima de...
— Por que você não vem aqui e me dá uma mão em vez de rir como uma garota de 12 anos. — ele disse, de alguma forma colocando a boxer.
— Por que você não apenas cuida disso você mesmo? Isso é provavelmente o que está costumado a fazer.
— Isso é o que você pensa.

Ele saiu do quarto e fechou a porta. As risadinhas finalmente assumiram e eu estava perdida. Algo sobre a parte dos homens era hilário. Minha risada continuou até que eu tinha lágrimas no meu rosto. Deitei na cama depois que acabou, ofegante e tentando recuperar a compostura.
Era apenas sete horas, mas não havia nenhuma maneira de eu ser capaz de dormir. Eu poderia muito bem me levantar e fazer algum dever de casa. Eu precisava lavar o rosto e escovar os dentes, mas eu não iria perto do banheiro uma vez que eu sabia que Joe estava lá.

Eu acomodei-me na sala de estar com meus livros, uma tigela de cereal e uma xícara de café preto. Eu ouvi o chuveiro desligar e colei os meus olhos no meu livro.
— Chuveiro está livre. — ele disse, atrás de mim.

Eu fiz um som evasivo e fingi que estava absolutamente fascinada com o meu livro de francês. Eu o ouvi andando mais perto e eu mantive a minha cabeça voltada para baixo.

— Se você chegar mais perto com isso eu vou arrancá-lo. Entendeu?
— Você é mal-humorada no início da manhã. Eu gosto. O que está lendo? — Ele se inclinou sobre o meu ombro, sua pele úmida à polegadas do meu rosto.
— Vá embora, Joe. Sério.
— Tudo bem, tudo bem. — Ele se arrastou de volta para o quarto, e eu voltei para a minha lição de casa.
Uma hora mais tarde Selena tropeçou em direção à cafeteira.
— O que você está fazendo de pé tão cedo? — Disse.
— Não consegui dormir.
— Era você rindo como um psicopata antes?
— Sim, desculpe. Eu não acordei você, não é?
— Não. — ela disse, segurando o copo de café e tomando um profundo gole. — Eu acordei porque Miley respira muito alto. Não foi sua culpa. Então. — ela disse, empurrando alguns dos meus livros de lado para que pudesse se sentar ao meu lado, — Sobre o que estava rindo?
— Não é nada. — eu disse, as risadinhas ameaçando aparecer novamente. — Só uma coisa que eu estava pensando.
— Ou alguém? — Ela cutucou meu ombro.
— Não.
— Sim, isso foi muito convincente, Demi. Há algo acontecendo entre você e Joe. Todo mundo parece ver isso, exceto você.
— A única coisa que está acontecendo é que ele me enlouquece e eu quero que ele seja atingido por um ônibus.
— Certo, certo.
— Estou falando sério!
— Ok, Demi. Tudo o que você diz. — Ela me deu uma olhada e voltou para o seu café, e eu voltei para o que diabos eu estava trabalhando e não pensar sobre Joe.

****

Eu fui para o meu primeiro dia na biblioteca nervosa e emocionada. Eu soquei o meu antiquado cartão de ponto e caminhei de volta para o escritório.

— Olá, Dami, é bom ver você de novo. — Tom disse apertando minha mão. Havia algumas pessoas que trabalhavam no departamento, e fui apresentado a Nancy, Maria e Jeff.

— E esta é a seção de estudantes que trabalham. Nós normalmente temos apenas dois trabalhadores de cada vez. O outro estudante que divide seu turno deve chegar a qualquer momento.
Eu estava um pouco adiantada. Ele mostrou-me uma mesa que foi dividida em duas estações de trabalho frente a frente com dois desktops antigos, muitas almofadas de carimbos e canetas.
— Oh, aqui está ele. — Tom disse, virando-se.
Virei a cabeça e vi o meu colega de trabalho.

— Engraçado vê-la aqui, Missy. Mundo pequeno. — Joe Jonas, nos encontramos novamente.
— Você tem que estar brincando.
— Vocês dois se conhecem? — Tom parecia ao mesmo tempo confuso e desconfortável.
— Nós somos companheiros de quarto. — eu disse.
— Bem, é um mundo pequeno. Isso não vai ser um problema, não é?
— Não, não mesmo. — eu disse. Não havia nenhuma maneira de eu estar desistindo deste trabalho.
— Concordo. — Joe disse.


----------------------------------------------

O que vocês acham que vai rolar nesse emprego hein??? uashuahsuas
Né Mari .... provocar a Demi é a especialidade do Joe hehe'

Continuem comentando!!!



3 comentários:

  1. AAHH Adoro!!!
    morri de rir junto com a Demi imaginando o jeito que o Joe Jr acordou hahaha Joe safado, mas Demi deveria saber que todos os homens acordam desse jeito kkkkk
    confesso que tbm fiquei curiosa assim como Demi para saber como Joe conseguiu vestir uma cueca com o Joe Jr daquele jeito! hahaha
    Esses dois tem que se pegar nesse emprego, e eu aposto que Joe pegou esse emprego para irritar mais ainda Demi, ele esta louco para que ela assuma logo que gosta dele, e eu acho que não vai demorar muito para isso acontecer não...
    Posta mais <3

    ResponderExcluir
  2. Já vi que esse trabalho promete kkkk
    amo de+ esses dois, Joe tem o dom para provoca-la
    curti o capitulo
    posta logooo, please

    Xoooxo

    ResponderExcluir
  3. aaaaaaaaaaaaaaaahhhhhhhhh essa biblioteca vai pega fogo kkkkkkk

    ResponderExcluir

Sem comentários ........... sem capítulos!