22/03/2013

My Best Friend ( MiniFic Cap.18)





“Se eu não te amasse tanto assim, talvez perdesse os sonhos dentro de mim e vivesse na escuridão...”

Todos sabemos que o amor é o sentimento que nos mantém vivos, mas não basta apenas sentirmos, temos que vivê-lo!
De nada adianta a teoria, se a prática fica apenas em nossa mente.

O medo e a covardia conseguiram fazer com que os dois não resolvessem de fato as coisas...
Também não é algo simples, mas a complicação pode ser resolvida quando ambas as partes deixam-se viver por esse sentimento!
Quando o amor consegue encorajá-los a se jogar de cabeça, sem temer o que vem pela frente, afinal de contas,
 o futuro a Deus pertence!...
Pela manhã, Nick acabou acordando com o constante barulho que Demi fazia ao se virar, ele levantou a cabeça para olhar na cama e viu o quanto ela se mexia de um lado pro outro...

- Demi, Dem. Está tudo bem? (Nick na tentativa de acordá-la colocou as mãos na testa dela e viu o quanto ela estava quente e suada)

Colocou a mão na própria testa verificando se aquilo estava normal e, percebeu que não estava...

- Dem, acorda. Está sentindo alguma coisa? (Nick)
- N-não quero... (Demi balbuciou qualquer coisa, parecia delirar)
- Viu o que dar encher a cara, aí tem que tomar banho gelado e dá nisso... Droga! (Nick)
- E-eu quero a minha m-mãe... (Demi choramingou enfiando a cabeça embaixo do travesseiro)
- Você vai querer um médico, e como anda bancando a criança, vai ter que ser um pediatra. (Nick afirmou levantando)
- N-não... (Demi)
- Pois é sim, mal cuido de mim que dirá de você e ainda doente. As pessoas estudam medicina pra cuidarem dos doentes e, pra não pagar a conta do hospital, melhor ficar com o Joe mesmo. (Nick)

Demi não assimilando direito as coisas, virou pro lado e continuou em seu agitado sono.
Nick vestiu sua camiseta, foi até o banho lavar o rosto e encovar os dentes, já que sabia que Demi tinha diversas escovas fechadas, mania que ela tinha desde pequena.
Depois disso, saiu apressado do apartamento, como o elevador estava no térreo, ele correu até a escada... Joe estava sentado na mesa da cozinha mexendo em seu notebook enquanto Selena preparava algo pra eles comerem no café da manhã...

- Caramba Joe, você não tem quase nada na dispensa. (Sel reclamou)
- Quem faz tudo aqui é a Maria, ela volta essa semana da folga que dei, não sei nem arrumar minha cama, que dirá fazer comprar e cozinhar. (Joe se explicou)
- Isso é um absurdo, saiba você que o Nick é um homem muito prendado, as comidas dele são maravilhosas. (Sel)
- Eu não sou o Nick, e além do mais vocês estão um grude, chega a enjoar de tanto mel. (Joe desdenhou)
- Eita despeito... (Sel)

A campainha tocou...

- Vou lá atender, seu chato! (Sel exclamou mostrando a língua pra ele e indo até a sala)

Mal abriu a porta e Nick já entrou feito um furacão...

- Nossa, isso tudo é saudades? (Sel perguntou rindo)
- Desculpa amor, bom dia! Cadê o Joe? (Nick perguntou dando um selinho nela)
- Está na cozinha, aconteceu alguma coisa? (Sel)
- Nada muito grave, mas a Dem acordou com febre, deve ser por causa do banho gelado que ela tomou pra curar a bebedeira. Mas eu vim chamar o Joe né... Afinal de contas ele é médico. (Nick falou rápido)
- Respira fundo e repete que eu não entendi uma palavra. (Sel)
- A Dem amanheceu com febre, vim buscar o Joe pra examiná-la. (Nick)
- Hei, o que faz aqui? (Joe perguntou chegando na sala)
- Cara depois eu explico, mas agora vem comigo. (Nick)
- O que houve? (Joe)
- Plantão médico logo pela manhã, a Dem está lá jogada na cama e ardendo de febre! (Nick)
- O que? Vou pegar minha maleta e ir lá agora mesmo! (Joe exclamou correndo pro quarto)
- Vou com vocês... (Sel falou preocupada

Os três entraram no apartamento de Demi e foram rapidamente até o quarto dela...
Demi resmungava e choramingava coisas sem nexo, além de seu jeito rabugento da manhã, a febre a fazia delirar...

Joe sentou na cama, colocando a cabeça dela em seu colo...
Colocou a franja pro lado e tocou na testa dela, a palma de sua mão ficou molhada devido ao suor.Passou um termômetro digital perto do nariz dela e verificou a temperatura.

- Muito alta Joe? (Sel)
- Quase 39... (Joe)
- Então está alta, não é? (Nick)
- Sim, acho que ela vai ficar gripada. Vou ver como está a pressão dela! (Nick exclamou pegando o aparelho que media pressão)
- Quer ajuda? (Sel)
- Quero sim, coloca em um recipiente álcool e água fria, não gelada. Pega alguns lenços e traz pra mim, por favor. (Joe pediu medindo a pressão dela)
- Pode deixar. (Sel afirmou saindo do quarto e indo à cozinha)
- Vou com você... (Nick falou seguindo-a)

Demi aconchegou a cabeça e sem perceber, abraçou-o pela cintura enquanto continuava resmungando.

- Até doente você resmunga, pequena! (Joe exclamou sorrindo e tocando no rosto dela)

Por mais que estivesse delirando, Demi sentia o toque dele em suas bochechas e o doce afago em seus cabelos...
Talvez fizesse parte de um sonho, do qual ela não queria acordar...
Joe limitou-se a falar, apenas curtia aquele carinho que ele estava proporcionando a ela!

“Se um dia tiverem que pedir perdão um ao outro por algum motivo e, em troca, receber um abraço, um sorriso, um afago nos cabelos e os gestos valerem mais que mil palavras, se entreguem: Vocês foram feitos um pro outro...”

Selena pegava as coisas na cozinha enquanto Nick folheava um livro de Demi.

- Agora me diz o que essa loira tem na cabeça, olha o livro que ela lê,
 Freud, Aristóteles e Platão – Os grandes pensadores gregos. Essa daqui não tem mesmo o que fazer. (Nick afirmou rindo)
- A Demi sempre adorou filosofia, ela é completamente maluca. (Sel)
- Quase certeza, outro dia ela me falou que iria fazer faculdade de filosofia ou de literatura por hobbie. Como um ser humano pode ter isso como hobbie? (Nick)
- Cada louco com sua mania, vamos. (Sel falou pegando o recipiente com álcool e água fria, os lenços e saindo da cozinha)

Os dois entraram no quarto e sorriram ao ver Joe afagando os cabelos dela...
Ele ficou constrangido, mas continuou.

- Coloca aqui pra mim Sel, por favor. (Joe pediu apontando o criado mudo ao lado da cama)
- Vai colocar na testa dela? (Sel perguntou deixando o recipiente no criado mudo)
- Vou, se não abaixar muito vou ter que colocá-la em baixo da água morna. (Joe)
- Não é água gelada? (Nick)
- Não, quando a febre está muito alta, o choque que dá com a água gelada na pela pode provocar a morte na hora. (Joe)
- Deus nos livre. (Sel)
- Então que seja morna. Acho que nem adianta a gente ficar aqui, não é? (Nick)
- Se quiserem... (Joe falou pegando um dos lenços, molhando no recipiente, o torcendo e colocando sobre a testa de Demi)
- Vamos ficar lá na sala, qualquer coisa nos chama. (Sel falou saindo, Nick foi atrás)

Joe respirou fundo, era bom cuidar dela.
Quando estava dormindo, óbvio.
Já que Demi sempre fora rebelde na hora de ser tratada por um médico.
Riu sozinho lembrando de um episódio...

"- Não se atreva a fazer isso comigo, tenha piedade de mim. (Demi choramingava atrás do sofá)

Demi estava com uma forte virose, como Joseph havia acabado de ser formar, ele mesmo tentava medicá-la... Mas a loira, não deixava de maneira alguma.

- Dem, se você não vier aqui não tenho como aplicar essa injeção. Lembra que é pro seu bem. (Joe)
- Você é médico e não auxiliar de enfermagem, elas que aplicam e além do mais tomar injeção não é nada do bem... (Demi)
- Para de ser criança e vem logo! (Joe exclamou rindo)
- Não sou criança... (Demi choramingou)
- Vamos fazer o seguinte, segura forte na minha perna se doer. (Joe)
- Eu posso unhar? (Demi)
- Pode. (Joe)
- Só vou porque eu não aguento mais vomitar, mas se não estivesse sentindo dores na barriga de tanto jogar tudo pra fora, eu não tomaria. Saiba disso... (Demi falou fazendo cara de choro e virando de costas pra ele)
- Não vai doer, pequena. Te prometo. (Joe afirmou levantando um pouco a camisola dela e aplicando a injeção no bumbum)"


Mas até mesmo as injeções que não fossem doloridas, eram como uma tortura pra Demi e o grito escandaloso e o choro foram inevitáveis...
...

- O Joe não vai trabalhar hoje? (Nick)
- Acho que vai ter plantão, tadinho. Trabalhar em pleno domingo e ainda enfrentar a madrugada. (Sel)
- É assim mesmo, residência é igual estágio, só que bem pior óbvio. Ainda mais que ele está nessa mudança da Clínica Geral pra Pediatria. (Nick)
- Fora o que já se matou de estudar, não sei como ele aguentou, o Joe sempre foi inteligente, mas nunca gostou de estudar. (Sel)
- Então ele foi atrás da pior profissão nesse caso, é a que mais estuda e a que mais demora pra se formar. (Nick)
- Viu como esses dois se combinam, um se mata na Anatomia e a outra se mata em plantas e matemática, fora que ainda se envolve com Platão e companhia limitada! (Sel exclamou rindo)
- A Demi ninguém supera, ela é a rainha das pessoas que vivem em função do estudo. Nerd é pouco. (Nick)
- Pois é. Sabe estou morrendo de vontade de entrar naquele quarto e vê o que o Joe está fazendo, tão bonitinho ver meu primo cuidando das pessoas, mais ainda da Dem. (Sel)
- Mas a senhorita não vai, ficará quietinha e paparicando seu namorado gostoso! (Nick exclamou rindo)
- Quem é esse? (Sel brincou)
- Te dou um jeito, hein morena... (Nick brincou mordendo a bochecha dela)

Joe acomodou Demi no travesseiro, afastou um pouco a coberta dela, não era muito bom...
Mesmo que ela demonstrasse um pouco de frio, cobri-la poderia ser ainda pior!
Passou novamente o termômetro digital pelo nariz dela e, a febre parecia ter cedido um pouco, estava com 38°.

- Espero que diminua mais, senão vou ter que te jogar embaixo do chuveiro e não quero fazer isso... (Joe sussurrou beijando a bochecha dela)
O tempo ia passando e a febre estava estagnada na mesma temperatura, Joe suspirou aflito... Foi até a sala procurar a prima que assistia televisão com Nick deitado em seu colo.

- Ela melhorou? (Sel perguntou ao se deparar com Joe)
- A febre cedeu um pouco do que estava, mas continua alta. Vou ter que colocá-la embaixo do chuveiro, não tem jeito. Faz um favor pra mim, pega uma roupa no meu apartamento, vou ter que entrar junto pelo estado dela. (Joe)
- Ah claro, tinha certeza que era por causa disso. (Nick ironizou)
- Que? (Joe)
- Nada, esquece... (Nick)
- Vou lá buscar, precisa de ajuda com ela na hora do banho? (Sel)
- Provavelmente. (Joe)
- Então vou pegar e já volto, vem comigo? (Sel perguntou a Nick)
- Vou. (Nick)

Joe voltou ao quarto e ela permanecia do mesmo jeito que ele havia deixado...
Aproximou-se da cama e, com jeito e muita delicadeza a pegou no colo.
Nem foi preciso muito esforço, já que a diferença de tamanho era visível.
Demi mesmo dormindo e totalmente sem consciência apoiou a cabeça no ombro dele, recebendo em sua testa um beijo...

Chegou no banheiro e, abriu a porta do Box com a perna, com cuidado por se tratar de vidro.
A deitou no chão e percebeu o quanto ela tremia de frio, sentiu o coração apertado, mas a temperatura da água não poderia ser tão quente, mas claro que não seria gelada.

- Juro que vou te respeitar, juro... (Joe sussurrou pegando um elástico que estava na pia gabinete e, amarrou os cabelos dela)

Tirou a camiseta que vestia pra não se molhar todo, mas também nem se importava com a própria saúde, apenas a de Demi.
Respirou fundo e se abaixou, aos poucos foi levantando a camisola que ela vestia...
Seus batimentos cardíacos aceleraram compulsivamente, sua boca ficou seca e mais uma vez aquela essência de menina-mulher que tanto lhe fazia bem...



Oiee pipoquinhasss  =)) tudo bem ??? estão vivas ainda ?? kkkkk pq estão todas tendo milhares de HEART ATTACK's por ai kkkkkkkkk 

Bom , postei agora cedo ... pq vou por curso e pra não postar tarde como foi ontem!!! 

Bjsss pra vocês *-*



11 comentários:

  1. tipo essa indireta foi p mim kkkkkkkkkk
    ainw seriooooo agora vai
    pelo amor de Deus...
    AGARRA ELA LESADOOOOO
    kkkkk desculpa o surtooooo
    postaa logo se não quer ir no meu enterro rum
    bjus

    ResponderExcluir
  2. Hum..joe e demi no chuveiro...hum....eita lasqueira...
    Tá muito perfeitooooo,
    Ainda estou viva kkkkk,
    Posta logooo bebe,
    Ou a lekinha ;)
    Beijos :)

    ResponderExcluir
  3. Hunn esse banho não vai prestar,Joe beija ela menino!!
    Ta Perfeitoooooooooooooooo

    ResponderExcluir
  4. AI MEU DEUS POSTA!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  5. OMGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
    POSTA LOGOOO
    COMO TU PARA AGORA
    BEIJOS!!!

    ResponderExcluir
  6. AAAAAAAAAA GOHJFEWFKGZU POSTA LOGO!

    ResponderExcluir
  7. Ta muito perfeito! posta logo! bjs....

    ResponderExcluir
  8. POSTA LOGO PIPOQUINHA s2 !

    ResponderExcluir
  9. Heart Attack e pouco... Se ficarem me torturando não reclamem se eu for puxar o pé de vcs... Kkkkk
    Esses dois no chuveiro..... Vai prestar muito? Beija ela joe!

    Postaaa logooo Precisoooo demais

    ResponderExcluir
  10. Pooooooooooooooooooooooooooooooooooooossssssssssstaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa

    ResponderExcluir

Sem comentários ........... sem capítulos!