03/03/2013

Mini Fic - I Hate Everything About You (Parte 2)





“But you’re so damn hot...”

‘Demi, você não tem o CD do Taking Back Sunday?’ Nick perguntou, dentro da piscina. ‘Nop! O Joseph que tem.’ Ela fez careta.
‘E você não quer ir lá pedir pra ele?!’
 Nick fez uma cara pidona.
‘Nem pensar,
 Nick, se você quiser, vai lá e pede!’ Deitou-se na espreguiçadeira, relaxando.
‘Mas eu estou molhado,
 Demi, não posso entrar assim na casa dele, aliás, todo mundo tá molhado!’ Ele fez um gesto apressado para Selena e a garota entrou rapidamente na piscina.
‘A
 Selena não!’ Demi abriu os olhos, mas a amiga não estava mais sentada ao seu lado.
‘Ops, desculpa, amiga!’
 Selena forçou um sorriso e ela mandou dedo.
‘Por favor,
 Demi!’ Miley insistiu, apoiando o namorado. 
‘Cara, como vocês são chatos!’ ela se levantou e saiu pelo jardim, em direção à casa ao lado. Encontrou
 Denise do lado de fora cuidando de algumas flores. ‘Tia!’ a menina a abraçou. ‘Sua cria tá em casa?’ Perguntou, fazendo a mulher rir.
‘Tá sim, minha linda, lá no quarto dele.’
 Demetria agradeceu e entrou na casa.
Sempre que ela entrava ali, vários flashes do acontecimento de sete anos surgiam em sua mente. Graças ao seu vizinho, ela não conseguia ter boas recordações dali. A porta do quarto de
 Joseph estava aberta e ele estava sentado em frente ao computador.
‘Então a sua dor de cabeça passou?’ A menina comentou, encostando-se na porta.
 Joseph se virou, assustado, ao ver sua vizinha com uma saia rosa curta, que combinava com seu biquíni, o cabelo preso em um coque frouxo, que deixava várias mexas soltas. Desde quando ela tinha ficado linda e bem... Gostosa? Joseph pensou, sem tirar os olhos da garota, mas, antes que o fizesse, viu ela balançar as mãos para chamar sua atenção.
’Passou ou não?’ Ela repetiu a pergunta, tirando-o do transe.
‘Não te interessa!’ Virou-se rapidamente, com medo de deixar transparecer a atração que estava sentindo por ela naquele momento.
 
‘Ui, calma, vizinho! Eu vim em missão de paz.’ Ela entrou no quarto e sentou na cama dele. ‘Eu só vim porque o pessoal está pedindo o seu CD do Taking Back Sunday emprestado.’
 
‘Eu não vou emprestar meu CD pra você!’
 Joseph se levantou da cadeira.
‘Aaaah,
 Joseph...’ Ela se aproximou e ficou de frente pra ele. ‘Por favor!’ Pediu baixinho, segurando a barra da camisa dele, apenas para provocá-lo. Joseph observou a menina novamente, ela tinha mesmo que fazer aquilo?
‘Tá ali na estante.’ Ele apontou para o móvel e
 Demetria sorriu, agradecida. Quando estava saindo do quarto, viu Joseph observar a piscina da casa dela pela janela.
‘Tem certeza que você não vem?’ Perguntou uma última vez, mas ele confirmou novamente.
 Demetria deu de ombros e saiu do quarto. ‘Demi, espera!’ Ouviu Joseph gritar quando já estava na sala. Ele desceu as escadas correndo, vestindo apenas uma bermuda e com metade da cueca pra fora, da mesma forma que os amigos.Demetria observou o corpo do vizinho enquanto ele se aproximava. Quanto tempo mesmo havia se passado desde que eles eram crianças? Porque, de alguma forma, tudo que ela conseguiu pensar é em como ele havia ficado tão lindo e bem... Gostoso. 

“I hate you...” 

‘Mas, professora...’
 Demetria tentava fazer a Sra. Thompson voltar atrás.
‘Mas nada, senhorita
 Lovato, isso é uma sala de aula, se você tem problemas pessoais com o senhor Jonas, isso deve ser deixado de fora dos assuntos escolares. Agora sente ao lado dele e termine o trabalho até o final da aula!’ A mulher voltou sua atenção para os papeis em cima da mesa e Demetria foi sentar, amaldiçoando-a durante o caminho até a cadeira no fundo da sala.
‘Belo teatro, vizinha, mas nem pra convencer uma professora você serve.’
 Joseph ironizou quando a menina sentou ao seu lado.
‘Cala a boca,
 Jonas.’ Ela abriu o livro, mal-humorada. Ele se aproximou para ler, mas Demetria o fechou novamente. ‘Se afasta.’ Ela falou, séria.
‘Garota, eu não quero ficar perto de você, eu só quero ler o livro!’
 Joseph tentou pegá-lo, mas ela o afastou novamente.
‘Pega o seu e lê!’
‘Isso é um trabalho em dupla!’
‘Mas eu não quero ser sua dupla!’
 Demetria ele vou um pouco a voz.
‘Você não tem que querer nada.’
 Joseph respondeu no mesmo tom.
‘Eu não sou obrigada a sentar do seu lado!’
‘Muito menos eu quero ficar perto de você!’ Agora os dois praticamente gritavam, atraindo a atenção de todos na sala.
‘Você é um arrogante,
 Joseph, sempre foi...’
‘Lovato!
 Jonas! Pra fora, já!’ A Sra. Thompson se levantou gritando, foi até a porta e a abriu, fazendo um gesto para que eles se retirassem. ‘Vão se acalmar um pouco e eu não quero ver mais os dois na minha aula por hoje!’ Eles saíram se empurrando ao passar pela porta.
‘Viu só o que você fez?’
 Demetria olhou para Joseph quando a professora já tinha fechado a porta.
‘Eu? A culpa foi sua, garota! Não custava nada você me deixar ler o livro, mas você sempre foi assim, né? Sempre se achou superior aos outros!’ Os dois caminhavam pelo corredor.
‘Eu não me acho superior, tá legal?! Você que sempre foi um estúpido, nunca soube ter limites.’ Ela andava depressa e ele a acompanhava.
‘Agora eu que não tenho limites? Garota, você sempre foi uma idiota, pensa que eu não me lembro de todas aquelas merdas que tinham no seu diário ridículo?’ Ele provocou, rindo.
‘Você é um imbecil mesmo, né,
 Jonas? Sempre tem que estragar ainda mais as coisas. Eu sempre te odiei e sempre deixei isso claro, mas nããão, você tinha que ter lido aquela porcaria de diário só pra piorar ainda mais!’ Demetria gesticulava rápido, tentando não se exaltar mais do que devia, já que estavam no corredor da escola.
‘Ah, eu quero ser a Baby Spice! Eu sou apaixonada pelo Dave!’
 Joseph fazia voz de menina. ‘Por falar nele, Demetria, você ainda é a fim dele? Porque eu soube de umas coisas que ele falou sobre você naquela época...’ Ele parou de falar quando a menina começou a dar tapas nele.
‘Cala a boca, seu imbecil!’
 Demetria tentava atingi-lo em todos os lugares possíveis, mas ele a segurou pelos braços e a encostou na parede.
‘Que foi,
 Demi? Tem medo do que o seu amorzinho possa ter falado? Vai dizer que você ainda tem alguma esperança com ele?’ Joseph falava, rindo, ainda prensando a menina contra a parede do corredor.
‘Isso não te interessa, seu idiota, mas já que você quer tanto saber, eu fiquei com o Dave três anos atrás, tá legal? Eu não sou mais aquela garotinha boba,
 Joseph.’Demetria sentia sua respiração começar a falhar enquanto Joseph pressionava ainda mais seu corpo contra a parede.
‘Pra mim, você vai ser sempre a minha vizinha chata e metida.’ Ele aproximou o rosto do dela e pôde sentir a respiração da garota bater em seu rosto.
‘Eu não quero saber o que você pensa! Eu.Odeio.Você!’ Falou pausadamente, observando a boca de
 Joseph se aproximar cada vez mais da sua. ‘Eu também odeio você!’ Ele sussurrou antes de encostar seus lábios nos de Demetria.
Antes que pudesse pensar no que estava acontecendo, a garota abriu a boca e deu passagem para a língua dele. Uma de suas mãos estava apoiada no peito dele e a outra bagunçava os cabelos de sua nuca.
 Joseph, de alguma forma, conseguia pressionar ainda mais o corpo da menina contra a parede, em busca de mais contato. Suas mãos passeavam pelas costas dela, por debaixo da camisa da escola. O corredor vazio estava silencioso, exceto pelos gemidos baixinhos que Joseph soltava cada vez que Demetria puxava seu cabelo com força. O sinal tocou e os dois se afastaram rápido, as bocas vermelhas e dormentes por causa da intensidade do beijo. Eles se entreolharam em silêncio, tentando entender o que diabos havia acabado de acontecer, enquanto o local era tomado pelos alunos que saíam das salas. Joseph passou a mão pelos cabelos, ainda sem acreditar que havia beijado sua vizinha, a garota que ele odiava desde que se conhecia por gente. Demetria olhou em volta assustada e sem saber o que fazer ou falar. Viu as amigas saindo da sala no final do corredor e olhou uma última vez para Joseph antes de sair correndo. 



By: Cah Kerouls

--------------------------------------------------------------------

Hey guys !!! I'm back for you ... lovers !!!  okay ... vocês pedirem, e postei mais um hoje ^^ kkkk que bom que gostaram da fic =)) 

esperooo que continue gostando !!! 

bjssssssssss pipoquinhas ♥♥


♥ 6 comentários para o próximo ♥


12 comentários:

  1. aMEIII muito perfeito eu vou ver se tem alguem bonito que me odeie pra gente se beijar e ja volto kkkk SOQN Posta Logo

    ResponderExcluir
  2. Adorei tudo isso.
    Ta com cara de que vai ficar ainda melhor.
    Não demore a postar hein, quero ver o que acontece a seguir.
    Bjs;

    ResponderExcluir
  3. Aiiiin !
    Eu estou amando.
    Joe beijou ela...
    Uhullllllllllllllllllllllll!
    Eu sabia... Eu sabia!

    ResponderExcluir
  4. bebê,PERFEITOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO,
    o.m.g. eles se beijaram !!
    pefeitoooo de mais,posta logoooooo,
    beijos <3

    ResponderExcluir
  5. Perfeitamente perfeito

    ResponderExcluir
  6. Rum seu gosei eu ameiii bb...
    ainw o amor...

    ResponderExcluir
  7. Que mini fic fabulosa... Quero mais

    ResponderExcluir
  8. Então.. PUTAQUEOPARIU 3 VEZES! AMEEEEEEEEEEEEEEEEEI!

    o Joe é um babaca, pq ele SEMPRE tem q ser um babaca gente? será que um dia lerei uma fic em que o Joe seja o bonzinho e a Demi seja a filha da puta? UAHSDUASDHASUDHSAUSAHD brinks
    adorei os 2 primeiros, mas bem que o Joe podia tomar na cara um cadin né? pq o q ele fez não se faz cara, ler o diario de alguém é como invadir sua cabeça, não pode dominar seus pensamentos assim sem permissão.. poxa Joseph.. magoei com vc :(
    aushdusdhasuhduasd
    Juh to adorando, esperando os proximos *-*
    bjus

    ResponderExcluir
  9. Posta logo lindinha...........
    Estou amandooooo.........
    :)

    Bjos
    Karen Lovato Jonas

    ResponderExcluir
  10. Perfeitooooo >.< Posta logo ! Bjs...

    ResponderExcluir
  11. PERFEITO!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir

Sem comentários ........... sem capítulos!