20/10/2012

Mini Fic - 2° Capitulo







Acordei novamente por causa da luz do sol, mas desta vez não levantei prontamente, pois senti um peso sobre mim. Era o braço de Joe que estava em minha cintura. Tirei-o calmamente de cima de mim e levantei-me.

Me vesti com uma calça jeans, uma sapatilha verde clara e uma regata cinza. Iria ao supermercado enquanto todos ainda estavam dormindo.
         Peguei minha bolsa, as chaves e fui até o carro. Dirigi calmamente até a cidade e fui para o supermercado, onde comecei pegando coisas básicas. Como manteiga, queijo, leite, biscoitos, café, carne, pão, sucos, frutas, verduras, etc.

          Como Joe acabou de chegar e deve estar enjoado da comida do exército, peguei algumas coisas que ele gosta. Joe aprecia beber vinho no jantar, às vezes, então, peguei uma garrafa. Peguei também peixe, comida que ele adora. E, é claro, peguei os ingredientes para  preparar os biscoitos amanteigados que ele tanto ama.
          Mais ou menos dez horas da manhã estava de volta a casa. Guardei as compras na cozinha, preparei o café e fui 
acordar os meninos. Tinha de acordar Joe também, então fui ao nosso 
quarto.

Demi: Joe. _ chamei sentando-me ao lado dele na cama _ Joe, acorda. Já passou das dez da manhã.

Joe: Hum... _ se remexeu um pouco _

Demi: Joe, levanta. Não quer perder o café, quer?

          Ele abriu os olhos lentamente e os esfregou com a mão direita. Sentou-se e se espreguiçou.

Joe: Ai, que horas são? _ perguntou e soltou um bocejo _

Demi: Mais ou menos dez e quinze. _ levantei-me _ O café já está servido. Vista-se e desça. _ sai do quarto _

          Estava na cozinha sentada e comendo com os meninos. Alguns minutos depois vi Joe descendo vestindo uma calça jeans, sem camisa e descalço. Ele se sentou na cadeira vaga que havia ao meu lado e pegou uma xícara para colocar café.

Joe: Bom dia.

Bryan/Connor: Bom dia!

Demi: Não usa mais camisa? _ perguntei calmamente _

Joe: Está calor e não estou com vontade de usar.

Connor: Papai, papai!

Joe: Fala filho.

Connor: A mamãe disse que vai levar a gente no parque de diversões lá na cidade!

Joe: Disse?

Bryan: Sim! E você vai junto, não é?

Joe: Claro que vou! Vamos à noite? _ perguntou a mim _

Demi: Lá pelas cinco e meia sairemos daqui.

Joe: Okay.

Connor: Papai, mamãe, quando a gente terminar de comer, vamos brincar?

Demi: A mamãe vai ter que limpar a mesa depois que comermos, filho. Mas, que sabe, mais tarde possamos brincar.

Connor: Tudo bem. _ ficou um pouco triste _

Joe: Não liga pra mamãe, campeão. _ o pôs em seu colo _ Ela é chata, não gosta de brincar. Mas o papai brinca com você depois que comermos.

Demi: Joseph, você sabe que eu tenho que deixar tudo limpo. Não tem nada haver o fato de eu gostar ou não de brincar com ele.

Joe: Ta bom, só to falando.

          Joe desconversou. Mas se nenhum dos meninos estivessem aqui, seria briga na certa. Ele não perde uma chance de me irritar e me provocar. É uma tortura, mas eu agüento o máximo possível, pelos garotos.

          O resto da manhã e da tarde passou normalmente. Mais ou menos quatro da tarde levei os meninos para o quarto para os arrumar.

          Dei banho em cada um deles e os vesti. Em Bryan coloquei uma calça jeans clara, uma camiseta azul e um all star preto. Já em Connor coloquei uma calça jeans azul, uma camiseta verde e uma all star branco. Deixei-os assistindo desenho na sala e fui me arrumar.

          Entrei no quarto e Joe estava colocando seu tênis. Ele vestia uma calça jeans escura, ema regata branca com uma blusa xadrez por cima.

         Peguei uma lingerie e segui para o banheiro. Tomei um rápido banho e voltei para o quarto enrolada na toalha, com a lingerie por baixo. Joe ainda estava no quarto passando perfume e desodorante.

          Separei uma roupa e comecei a vesti-la. Uma calça jeans escura, uma blusa de ombro caído cinza e uma sapatilha azul clara. Assim como Joe, passei meu perfume e meu desodorante.

          Passei uma maquiagem básica, coloquei um colar prata e umas pulseiras também pratas. Na mão direita coloquei um anel no dedo anelar. Na outra mão não coloquei, pois já estava com a aliança de casamento.

Joe: Pra que se arrumar tanto? Só vamos ao parque de diversões.

Demi: Gosto de sair arrumada.

Joe: Arrumada pra quem?

Demi: Pra mim mesma.

Joe: Uhum, sei.

Demi: Joe, por favor, não vamos brigar esta noite. Vamos para lá para nos divertir, e não discutir.

Joe: Está bem, mas vamos logo. Já é cinco e quinze.

Demi: só vou pegar minha bolsa.

          A peguei e então descemos. Fomos para o carro junto das crianças e seguimos para o parque. Demorou somente dez minutos e logo chegamos. Enquanto Joe estacionava, eu e as crianças fomos comprar as entradas.

Demi: Quatro, por favor. _ falei pegando a carteira _

Menino: Aqui estão. _ me entregou e eu o paguei _

          Fomos para a entrada do parque e logo vimos Joe vindo em nossa direção.

Joe: Compraram as entradas?

Demi: Sim, vamos.

        Entramos e logo Bryan e Connor quiseram ir a um brinquedo. No carrosel, mas sozinho. Eu e Joe nos sentamos em um banco em frente ao brinquedo.

Joe: Aquele idiota ta olhando pra você. _ falou parecendo um pouco irritado _

Demi: O que?

Joe: Aquele cara... _ apontou discretamente para um homem na barraca de sucos _ ... Não para de olhar pra você.

Demi: Deixe que olhe.

          Voltei a olhar as crianças, mas estava incomodada com o olhar do homem. O tempo das crianças estava acabando, e o 
homem desconhecido continuava a olhar.

          As crianças desceram e fomos para outro brinquedo. Desta vez escolheram o simulador. Como eu passava mal nesse brinquedo, falei para os três irem sem mim e fiquei esperando do lado de fora.

Xxx: Oi! _ falou com um sorriso sedutor. Era o homem que estava me encarando a uns minutos atrás _

Demi: Ér... Oi.

Xxx: Ta sozinha?

Demi: Não, eu... _ fui interrompida _


Xxx: Eu te faço companhia. Meu nome é Hayden, e o seu?
Demi: Demi. Prazer em conhecê-lo. _ forcei um sorriso e estendi a mão _

Hayden: Nome belo, mas não tanto como a dona dele. _ falou enquanto beijava minha mão _

Demi: Obrigada. _ sorri sem graça _

Xxx: O que ta acontecendo?

Demi: Joe?

Joe: Eu. Quem é ele?

Hayden: Sou Hayden, e você?

Joe: Joe. Posso saber sobre o que estava falando com minha mulher?

Hayden: Sua mulher?

Joe: Sim. Ela é minha mulher e esses são nossos filhos. _ mostrou os meninos _

Hayden: Eu... Ér... Desculpa... Eu... Tchau. _ saiu _

          Quando ele saiu Joe olhou para mim e seu olhar parecia raivoso.

Joe: O que pensa que estava fazendo?

Demi: Só estávamos conversando.

Joe: Conversando tanto que ele estava até beijando sua mão.

Demi: Ele foi cavalheiro, mas não tem nada de errado nisso.

Joe: Pra você nunca tem. Deve fazer isso todo dia.

Demi: O que está insinuando?


Joe: Que quando eu não estou em casa você fica procurando alguém para me botar chifres.

Demi: O que?! Eu nunca fiz isso, e nem faria, eu...

          Por um momento parei e olhei para os meninos. Estavam com carinhas tristes e Connor estava quase chorando. Me abaixei e o peguei no colo, indo me sentar.

Demi: Não chora filho. _ falei o abraçando fortemente _

Connor: Você e o papai estavam brigando igual à ontem.

Demi: Não Connor. A gente só estava tendo uma pequena discussão, nada de mais.


Connor: Não. Vocês estavam igual à ontem. Você prometeu, mamãe. Prometeu que você e o papai não iam mais brigar.

Demi: Desta vez eu vou cumprir a promessa, filho.

          Dizendo isso eu pensei no fato de Joe querer levar os meninos com ele para o Texas. Se eu continuasse a falar “não”, resultaria em mais brigas, então é melhor dizer “sim” de uma vez. Não quero mais ver Connor chorar escutando nossos gritos.

          Eu fiquei ali abraçada a Connor mais alguns minutos até que Joe chega com Bryan e senta-se ao meu lado.

Joe: Está tudo bem? _ perguntou a Connor, que assentiu _ Então, o que acha de irmos a montanha russa?

Connor: Eu quero!

Joe: Então vamos!

Connor: Vamos mamãe! _ me puxou pela mão _

          Fomos à montanha russa para crianças, claro. Depois dela, Connor e Bryan quiseram ir aos caminhõezinhos, então Joe e eu ficamos os esperando do lado de fora.

Demi: Joe... _ chamei _

Joe: O que foi?

Demi: Eu estive pensando... Acho que pode levar os meninos com você. Será bom você passar um tempo com eles...

Joe: Por que mudou de idéia?

Demi: Eu disse. Porque seria bom você passar mais tempo com eles.
Joe: Sei que está mentindo. Qual o real motivo?

Demi: _ suspirei _ Já é a segunda vez que Connor nos vê brigando, e sempre chora quando acontece. Não quero ver meu filho sofrendo, e deixá-los irem com você é um jeito de evitar brigas.

Joe: Está sugerindo uma trégua?

Demi: Não sugeri, mas seria bom pararmos de brigar, às vezes. Pelo bem das crianças.

Joe: Está bem. Pelo bem das crianças.

          Ótimo, ao menos não verei meu filho sofrendo mais vezes por conta de brigas minhas e de Joseph. Ele é só uma criança, e não merece isso.

Próximo...


------------------------------------------------------------------------------------------------

Ai o segundo capitulo \o/ kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

espero que gostem ... e obrigado a todos os comentários !!!!!





Bjssssssssssssss ... amanhã eu posto maissssssssssssss !!! 




10 comentários:

  1. OMG..
    Uma trégua \o/..
    Hum,sua dumal mesmo..u.u..
    Haam,oque vai acontecer??
    Quando eles vão começar a se darem bem?Heim??
    Posta Logoo chuch's..
    Beijinhoos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. poisé ... mas tem muitas surpresas ainda ^^

      vixi Mari ... kkkkkkkkkkk eu sou muitooooooo malvada !!! Não conto !! kkkkkkkk mas posso te adiantar que ainda tem muita coisa para rolar ...

      kkkkk Bjssssssssssssssss amoraaaa

      Excluir
  2. Quantos capitulos tem a mini fic?? ah serio,to gostando mtoo dela *u* é mto..ai n sei a palavra,mas é mtoooooooooooooooooo boa kk pooosta logooo!

    Beijonas ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tem 5 capitulos ... jajá acaba ^^ kkk

      que bom que você está gostando ...

      bjssssss linda

      Excluir
  3. Aiin não quero mais ver eles brigando assim :(
    O Joe tem que desistir do exercito de uma vez e tratar a Demi como ela merece!
    To amando!
    Beijosss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. calma ... eles logo vão se acertar kkkk

      que bom que está gostando ^^

      bjss fofa!!!

      Excluir
  4. nova seguidoraaaaaaaaaaaaaaaa!
    to amando essa mini-fic.
    por favor nao demora muito pra postar a segunda temporada de ''A GARATA AMERICANA'', sou vicada nessa fic.
    beijemi e posta logo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pode deixar ^^ vou postar sim , só não tenho certeza se vai ser assim que acabar a mini fic ... por,em eu porei sim ^^

      bjssss ...

      Excluir
  5. se puder dar uma passadinha no meu blog: http:\\vitoriaoliveiraesuashistoriasjemi.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OKAYYY ... PODE DEIXAR .. VOU SIM ^^

      BJSS

      Excluir

Sem comentários ........... sem capítulos!